Papo Tático: Operário 1 x 2 Vitória

Papo Tático: Operário 1 x 2 Vitória

22/11/2019 0 Por Adson Piedade

ADEUS SÉRIE B 2019, FELIZ SÉRIE B 2020

O Vitória enfrentou o Operário na cidade de Ponta Grossa em Curitiba pela trigésima sétima rodada do Campeonato Brasileiro de 2019 Série B. O treinador Geninho surpreendeu ao escalar o volante Baraka, que somado a Léo Gomes, Candido fizeram a trinca de volantes para proteger melhor a defesa.

Vitória na plataforma 4-1-4-1 com variações para 4-1-2-3 e 4-3-3

O Operário no 4-2-1-3 no primeiro tempo e 4-4-2 no segundo tempo.

Escolhemos o goleiro Martin Silva como o melhor do Vitória no jogo.

O JOGO

O Operário que já não aspirava nada na competição, entronou um Vitória disposto desde o inicio a buscar pontos para afastar de vez o risco de queda. O time de Geninho mesmo que um pouco descompactado no entre linhas, avançava as linhas e marcava alto e forte, tanto que o arbitro se equivocou em não expulsar pelo menos 2 jogadores rubro negro que exageraram na força.

ORGANIZAÇÃO DEFENSIVA

No momento defensivo o Vitória apresentou uma organização a cada tempo de jogo. Se no primeiro tempo o time marcou alto, forte e dobrando a marcação para pressionar como abaixo:

No segundo tempo o time deu bastante chances para o Operário fazer o goleiro Martin trabalhar e se tornar o melhor do jogo.

TRANSIÇÃO OFENSIVA

A transição ofensiva do Vitória no primeiro tempo funcionou. Devido as saídas rápidas de Léo Gomes e Van, ambos ajudados por um posicionamento mais a frente que em consequência roubava as bolas mais próxima do gol do adversário. Numa delas abrirmos o placar.

ORGANIZAÇÃO OFENSIVA

O Vitória que tem organização ofensiva de 4-2-3-1 e 4-3-3 mostrou algumas variantes com Eron aparecendo bastante para servir como opção de retorno e para tentar o ultimo passe.

TRANSIÇÃO DEFENSIVA

A transição defensiva ponto forte do time desde a chegada de Tencati. E foi melhorada com chegada de Amadeu e consolidada por Geninho. O time realmente é muito abaixo da média, logo, entendemos que o jogo defensivo foi a cartada principal para continuarmos na Série B.

O time tem conseguido chegar com mais gente atrás da linha da bola, tendo superioridade numérica nos setores e se posicionando melhor para defender.

No frame a cima, temos linhas e encaixes bem supervisionados, os oponentes sem condições de receber de frente.

CONSIDERAÇÕES FINAIS

O Vitória fez um bom jogo até os 35m do primeiro tempo. A partir daí, oscilou, mas não faltou entrega para buscar pontos. O miolo de defesa foi o setor mais claudicante do time. Os atacantes entregaram pouco em termos de ofensividade, criação e finalização, mas também ajudaram muito para que as bolas chegassem quebradas na defesa do Vitória. Feliz Série B 2020, temos novamente a chance de tentar diferente e voltarmos a brigar por um desempenho solido ano que vem e voltar a crescer esse clube.

É isso aí galera!

Por: Adson Piedade / @AdsonPiedade

Foto:  Edição nossa