Analisando o contrato: Lucas Cândido

Analisando o contrato: Lucas Cândido

19/07/2019 0 Por Mateus Batista da Silva

Lucas Cândido Silva, no mundo da bola conhecido como Lucas Cândido. Mineiro da cidade de Uberlândia, 25 anos, tem 1,86m e 81kg. Atua como volante ou lateral-esquerdo. Atleta de um time só, fato raro no futebol de hoje, Lucas Cândido terá sua primeira experiência longe de Minas Gerais. O atleta atua desde 2013 pelo Atlético Mineiro. Apesar de estar a 6 anos no clube mineiro, atuou apenas 64 vezes, média de 10 partidas no ano. Seu último jogo oficial foi no dia 30/03/2019 no empate de 0x0 contra o Boa Esporte, partida valida pelo Campeonato Mineiro. O atleta tem vinculo com o clube mineiro até dez/2021. Tem dois gols marcados na carreira. Um em 2013 (golaço por sinal) contra o Flamengo e outro em 2015 contra o Guarani-MG. Tem passagem pela seleção brasileira de base onde disputou o Sul-Americano Sub-20 em 2013, sendo titular nos 3 jogos. O Brasil foi eliminado na primeira fase com duas derrotas. O atleta tem um histórico complicado de lesões. São três cirurgias de LCA (ligamento cruzado anterior). Duas no joelho esquerdo e uma no direito. A primeira em 2014, a segunda em 2015 e a terceira em 2017.

MOMENTO OFENSIVO

Como volante, sua posição de origem, chega bem na frente da área, mas não é de pisar dentro da área. Gosta de arriscar chutes de média/longa distância. Como lateral, não se apresentando tanto no ataque. Só sobe “na boa”.

MOMENTO DEFENSIVO

É forte na marcação, tanto como volante e lateral. Não tem tanta velocidade, mas tem passadas largas, compensando essa deficiência. Percebi falta de leitura de jogo e deficiência no posicionamento dentro de campo.

PONTOS POSITIVOS

Força e chutes de média/longa distância.

PONTOS NEGATIVOS

Velocidade, posicionamento e passe muito horizontal.

Vamos ao que interessa. Pontuação de 1 a 10:

POSIÇÃO: Volante / Lateral esquerdo

FÍSICO: Nota 6.5

Histórico alto de lesões graves. Foram três cirurgias de LCA.

EMOCIONAL: Nota 7.0

Jogador tranquilo, não tem histórico de muitos cartões.

TÉCNICA: Nota 7.0

Tem boa técnica, porém passes curtos. Jogo vertical baixo.

TÁTICA: Nota 6.8

As vezes peca no posicionamento e não tem boa leitura de jogo.

FINALIZAÇÃO: Nota 7.5

Apesar de não ter apenas dois gols na carreira, gosta de finalizar em média/longa distância. Tem um chute forte.

VELOCIDADE: Nota 7.0

É um atleta alto, não tem tanta velocidade, mas compensa com passadas largas.

MÉDIA: 6.96

CURIOSIDADE

Na final da Libertadores de 2013, que o Atlético foi campeão, Lucas Cândido estava na arquibancada, torcendo. No mesmo ano, no Mundial de Clubes no final de 2013, era titular do clube mineiro.

CONSIDERAÇÕES FINAIS

Contratação para compor elenco. Apesar de ser polivalente, podendo também jogar de lateral, pelo seu histórico de lesões e baixa minutagem, era um atleta que não traria para o momento que atravessamos. Vai acabar sendo mais uma aposta dentro do elenco. Espero que dê certo e nos ajude.

Por: Mateus Batista /@mbatistasilva

Imagem: EC Vitória.