Analisando o contratado: Dedé

Analisando o contratado: Dedé

22/05/2019 0 Por Adson Piedade

Diney Silva da Costa 

Para o futebol, Dedé. Nasceu em Macapá e é Zagueiro central. Tem 23 anos, altura 1,90cm e é destro. Dedé surgiu no Santos do Amapá no ano de 2015, como profissional. Fez sua base no próprio Santos em 2014. Dedé acumula uma passagem rápida pelo Atlético Goianiense em 2017 e Tuna Luso em 2018. Esse ano foi eleito o melhor zagueiro do campeonato paraense.

Apesar da semelhança de aparência com o zagueiro Dedé do Cruzeiro, o Diney zagueiro por característica tem apenas algumas parecidas com o famoso, vamos a elas.

Suas principais características são: Força e Desarme e Bola aérea.

Vamos evidenciar, na prancheta, as faixas de campo mais exploradas por Dedé nos clubes.

POSICIONAMENTO

Dedé só atua pelo lado direito da defesa

Dedé é um zagueiro de pouca recuperação e velocidade. Concentra seu jogo utilizando a força e saindo para o combate de 1×1 que é quando faz prevalecer seu ótimo poder de desarmes.

A sua maior virtude são as bolas aéreas, costuma se impor muito bem diante dos oponentes.

MOMENTO OFENSIVO

Em fase ofensiva e de construção, usa bem passes verticais e gosta de ir ao ataque quando o time esta em desvantagem no placar.

As bolas aéreas ofensivas é o forte do atleta no ataque.

MOMENTO DEFENSIVO

Na fase defensiva do jogo, é forte nas primeiras bolas, as aéreas. Gosta dos enfrentamentos do 1×1 e corpo a corpo para utilizar a força.

Tem ótima impulsão, bons desarmes e boa leitura de antecipação por baixo.

Mas perde fácil a sincronia da linha porque olha muito a bola e o adversário. Precisa guardar mais a ultima linha e fazer a leitura de tudo mais rápido, espaço, tempo, bola, oponente e linha.

Agora, vamos pontuar questões individuais como: física, emocional, técnica, tática e características específicas.

Vamos ao que interessa. Pontuação de 1 a 10:

POSIÇÃO: ZAGUEIRO  CARACTERÍSTICAS: Força física, desarme, impulsão.

FÍSICO: Nota 9

Atleta tem altura e físico que ajudam as suas características como força e a bola aérea.

EMOCIONAL: Nota 6

O jogador ainda tem alguns problemas de concentração, vai começar a ganhar rodagem agora.

TÉCNICA: Nota 7

Dedé tem um bom fundamento de domínio e passe.

TÁTICA: Nota 6

Precisa trabalhar e aprender a sincronizar melhor na ultima linha, posicionar melhor o corpo para defender bolas descobertas. 

FINALIZAÇÃO: Nota 7

É um atleta que tem muita impulsão e vai bem nas bolas aéreas ofensivas com boa precisão na cabeçada. Falta mais leitura de posicionamento ofensivo na área.
VELOCIDADE
: Nota 7

É um zagueiro lento nas transições defensivas e falta agilidade na recuperação quando é batido em seus bons botes e desarmes de 1×1.

MÉDIA: 7

CONSIDERAÇÕES FINAIS

Dedé tem um longo caminho de aprendizado, vai agora atuar no clube de maior porte de sua carreira. Seu biótipo e características são boas para a função que joga. Hoje o modelo de jogo de Tencati apresenta linhas de marcação em blocos médios/altas, o que requer velocidade e recuperação aos zagueiros. Não achamos essas características na analise do zagueiro, mas de forma alguma queremos esgotar toda a pesquisa sobre o jogador que esta em ascensão com apenas 23 anos de idade. Esse Colunista que vos escreve, encara o jogador como uma aposta do novo Presidente que deve unir a força física e aérea de Dedé ao poder de recuperação e velocidade de Everton Sena. Dedé terá que evoluir seu jogo tático e algumas características individuais, entre elas, posicionamento, enquadramento de corpo em bolas descobertas, ganhar mais leveza, pois aparenta ser pesado e sem recuperação.

Por Adson Piedade / @AdsonPiedade

Foto:  EC Vitória / Divulgação.